Hipertensão


Introdução

A hipertensão ou pressão alta é uma doença comum, que está presente em uma a cada cinco pessoas. Há um aumento com a idade, chegando a atingir um em cada dois idosos.


Definição

A hipertensão arterial ocorre quando os níveis da pressão estão acima de valores de referência para a população geral (120x80 mmHg). A pressão alta existe quando a pressão, medida várias vezes em consultório médico, é igual a 130x85 mmHg ou maior.


Como ocorre

Em 95% dos casos, a causa da hipertensão é desconhecida. Na maioria dos hipertensos, a doença aparece porque é herdada dos pais. Hábitos de vida inadequados também são importantes: a obesidade, a ingestão excessiva de sal/sódio ou de bebida alcoólica e a inatividade física podem contribuir para o aparecimento da pressão alta.


Conseqüências

As complicações mais freqüentes da hipertensão estão relacionadas à deficiência de circulação sangüínea: infarto do miocárdio ou insuficiência cardíaca, derrame cerebral, insuficiência renal, diminuição da visão ou problemas na retina.


Diagnóstico

Qualquer indivíduo pode apresentar, esporadicamente, níveis de pressão arterial maiores que 130/85mmg, sem que seja considerado hipertenso. Somente a manutenção de níveis permanentemente altos em múltiplas medições (com diferentes horários, posições e condições) caracteriza a hipertensão arterial. A medida da pressão arterial deve ser realizada apenas com aparelhos confiáveis.


Como prevenir o aparecimento da hipertensão arterial?

A prevenção da hipertensão é feita através do controle de fatores de risco para esta doença, como: fumo, excesso de peso, consumo abusivo de sal/sódio, falta de exercícios e sedentarismo e o abuso de álcool.


Existe cura para a hipertensão arterial?

Não. Em certas circunstâncias, é possível reverter o quadro hipertensivo ou pelo menos controlá-lo adotando medidas simples, tais como: redução do peso corporal, redução do consumo de bebidas alcoólicas, parar de fumar, controlar o diabetes e o nível de colesterol e triglicérides sanguíneos, adotar medidas antiestresse e se engajar regularmente numa prática de exercícios físicos com uma alimentação saudável.


Orientações Nutricionais para Hipertensão